Sudamina: Qual o efeito do calor na pele dos nossos bebés?

Deixar transpirar a pele e mante-la hidratada é fundamental para evitar as irritações da Sudamina

Durante o verão, e com o consequente aumento das temperaturas a delicada pele dos nossos bebés pode ficar afetada. Com o calor, produz-se um excesso de transpiração e como a sua pele ainda não está preparada podem aparecer reações como a Sudamina.

O que é?

A Sudamina costuma acontecer com frequência nas crianças mas sobretudo nos recém-nascidos e bebés com menos de um ano. Produz-se pela obstrução dos poros das glândulas sudoríparas que temos na pele e está relacionada com o calor, ainda que não seja uma reação exclusiva do verão.

Como as glândulas estão obstruídas e não podem eliminar o suor, este fica retido na pele formando grãos ou bolhas.

Como se deteta-la?

Aparecem pequenos grãos ou bolhas do tamanho da cabeça de um alfinete que costumam ser vermelhas ou esbranquiçadas. A zona à volta fica avermelhada e irritada tornando-se um pouco rugosa.

Costumam aparecer em zonas da pele com maior concentração de glândulas sudoríparas, como a testa, cara, pescoço, peito ou costas.

O bebé fica mais irritado e aborrecido. Chora com mais frequência e mostra nervosismo e irritação.

baño

Como preveni-la?

  • Não cobrir o bebé em excesso nem utilizar roupa justa
  • Utilizar tecidos leves como o algodão ou o linho.
  • Nas épocas de calor, é conveniente um banho diário ao bebé
  • Hidratar a pele diariamente com óleos ou cremes hidratantes pouco espessos.
  • Dentro de casa é aconselhável manter uma temperatura amena evitando sempre o excesso de calor. O uso moderado de ar condicionado ou ventiladores pode ajudar a evaporar a humidade e refrescar o bebé.
  • Mudar a fralda assim que estiver molhada para que não acumule humidade nem calor.
  • Não expor o bebé ao sol direto.
  • Reduzir a atividade física do bebé (gatinhar ou caminhar).

Como trata-la?

É um transtorno da pele benigno que normalmente desaparece em poucos dias se tivermos em conta os conselhos necessários para preveni-la. Não é necessário um tratamento específico mas é recomendável manter os cuidados habituais e evitar o uso de produtos como o pó de talco ou cremes muito espessos que possam obstruir os poros. O ideal é utilizar óleos e cremes hidratantes mais suaves.